Devo abrir uma agência digital com sócio?

Já ouviu aquele ditado de que duas cabeças pensam melhor que uma? Pois é, ser dono de uma agência é um grande desafio e, nesses casos, abrir uma agência digital com sócio pode tornar tudo mais fácil.

Apesar de não haver nada de errado em trilhar nossa jornada solitária, contar com uma pessoa de sua confiança para somar forças em busca de um objetivo comum é visto por muitos empresários como uma boa alternativa para abrir um negócio.

E eu te digo que, na maioria das vezes, isso é vantajoso, mas é preciso conhecer muito bem quem irá trilhar essa jornada com você, concorda?

Como escolher o sócio?

O SEBRAE indica que, para quem deseja abrir uma empresa com sócio, é importante que ele tenha habilidades diferentes da suas, para que haja uma complementação dos conhecimentos de ambos, somando forças em busca de um objetivo comum.  

Se você tem habilidades em design e programação, por exemplo, procure alguém que seja hábil com gestão, vendas, etc. Dessa maneira, é possível criar uma agência completa e que tem todos os principais pilares de gestão contemplados.

O que ocorre, muitas vezes, é que, buscamos pessoas conhecidas e pelas quais temos confiança, certo? Apesar de parecer um bom negócio no princípio, pode haver uma não complementaridade das habilidade, o que pode acabar por prejudicar o crescimento da agência.

Estas “lacunas” de conhecimento não são nem um pouco boas para sua empresa (ainda mais no começo de jornada).

Isso porque a competitividade de seu negócio será muito baixa em comparação à agências mais completas e que entregam serviços completos.

Mas isso não quer dizer  que os sócios não possam se qualificar e melhorar em áreas que não são suas principais habilidades, podem e devem. Afinal, ficar parado e não buscar novos conhecimentos nunca é a melhor opção, independente de sua área de atuação.

Quando abrir uma agência digital com sócio?

Em geral, eu aconselho alguém a abrir uma agência digital com sócio quando há três condições.

Sinergia e conexão

Não adianta abrir uma agência com alguém que possua habilidades complementares às suas, mas pelo qual você não sinta nenhuma afinidade ou identificação.

Abrir uma empresa em sociedade é como um casamento: é preciso que haja muito entendimento, parceria e respeito.

Papeis definidos

Quando você vai abrir uma agência digital com sócio, é preciso que desde o início esteja muito claro qual será o papel de cada um na empresa.

Sem essa divisão, pode haver desentendimentos e muita dor de cabeça. O ideal é fazer um documento onde os deveres de cada um estejam muito bem delimitados.

O combinado não é caro nem barato, é justo! Pense nisso!

Uma das consultorias mais legais que eu desenvolvi pensando na sua agência foi a Consultoria de Gestão e Finanças, que você pode saber mais aqui.

Neste vídeo eu falo sobre os perigos de uma sociedade onde há a sobrecarga dos sócios.

Distrato

Claro que a gente sempre quer que tudo dê certo e não imagina que lá na frente a sociedade possa acabar.

Mas e quando não dá certo? Como fazer para dissolver a parceria?

Este ponto também deve estar muito claro quando você decide abrir uma agência digital com sócio. Isso poderá evitar problemas graves e até mesmo brigas judiciais.

Com estes 3 pontos claros e definidos não vejo motivos para que você não tenha sócio.

Eles podem sim ser um excelente parceiro na sua jornada. Para que vocês tenham ainda mais sucesso nessa caminhada, preparei o Treinamento Agência Digital do Zero, onde vocês poderão conferir módulos completos sobre como montar uma agência lucrativa do absoluto zero, ir em busca de seus primeiros clientes e muito mais!